sexta-feira, 4 de maio de 2012

Eles foram para Betsaida, e algumas pessoas trouxeram um cego a Jesus, suplicando-lhe que tocasse nele. Ele tomou o cego pela mão e o levou para fora do povoado. Depois de cuspir nos olhos do homem e impor-lhe as mãos, Jesus perguntou: "Você está vendo alguma coisa? " Ele levantou os olhos e disse: "Vejo pessoas; elas parecem árvores andando". Mais uma vez, Jesus colocou as mãos sobre os olhos do homem. Então seus olhos foram abertos, e sua vista lhe foi restaurada, e ele via tudo claramente. Jesus mandou-o para casa, dizendo: "Não entre no povoado! " ( MC 8:22-26 )

Ao solicitarem a cura do cego, Jesus percebe imediatamente q o problema d cegueira daquele homem,era justamente por frequentar aquela aldeia. Por esta razão, Jesus o leva para fora da aldeia. Lá fora ocorre o milagre, porém, num primeiro instante, d forma parcial. Pq ñ o curou d uma só vez ? Pq ele ( o cego) precisava entender q era por influência do meio onde convivia q ele estava cego. Era um homem totalmente dependente d favores para viver. Era conduzido por vontade alheia em: corpo, pensamento e espírito. Tinha auto-estima baixa e estagnação d situação. Árvores dão frutos e sombra e o cego dependia desses elementos para sobreviver. Encostava-se nas árvores (homens) e alimentava-se deles, vivia à sombra deles. Essa relação era desumana pq o cego se anulava em prol dos favores (frutos e sombra) dos homens (árvores). Essa visão da vida e d relacionamento precisava ser mudada, aquela aldeia verdadeira floresta para o cego, deveria ser deixada para trás. Nova vida, nova visão. Ao impor a segunda vez as mãos e cuspindo-lhe nos olhos, o cego é totalmente curado. Pq Jesus cuspiu em seus olhos? Cuspi é saliva, sem saliva a boca fica seca e nenhuma palavra é pronunciada, e Jesus ñ fez diferente c/ este cego,pôs-lhe a saliva nos olhos para lhe fazer entender a necessidade d fluência da palavra e Deus em nossa vida. Ao olhar para cima o cego foi totalmente restaurado. Ele precisava entender q havia um Deus q o amava e q era poderoso para fazer muito por ele. Restaurado em auto-estima, corpo, pensamento e espírito. Do alto viria à direção para a vida,o socorro e toda provisão. A partir d então, os homens já ñ seriam árvores, ele ñ dependeria mais deles para sobreviver. Homens seriam homens. Iguais a ele, nem melhores nem piores. O ex-cego ganhara uma nova visão do mundo. Será q ñ estamos vivendo em alguma Betsaida espiritual? Será q ñ estamos sofrendo influência do meio onde estamos vivendo e c/ isto nos afastando da essência d Cristo? Entendam irmãos, aquele cego d Betsaida, ñ foi cego a vida toda,ele ñ nasceu cego, pois ao ser parcialmente curado, Jesus perguntou o q ele via, e ele respondeu q via os homens c/ q árvores q andavam, isto prova q ele ñ fora cego a vida toda, pois se o tivesse sido, seria incapaz d fazer qualquer comparação. Como compararia homens c/ árvores se jamais teria visto nem um nem outro? Ao estabelecer a comparação prova q em um dado momento d sua vida tivera visão. E isto é o q acontece conosco espiritualmente, em um dado momento da vida cristã, tivemos visão, mas ao entrarmos em “aldeias” nos deixamos influenciar e perdemos a visão d Cristo. Aquele cego nem sequer morava lá, e isto é notório pq ao ser curado Jesus lhe ordena: vá para casa, e ñ entres na aldeia. Como ñ ir para casa, se ele morasse na aldeia? é claro q isto ñ era assim. Jesus sabia q aquele homem ñ morava lá por isto ordenou: “ñ entres na aldeia”, esta ordenança é como aquela q Jesus disse a mulher adúltera: “vá e ñ peques mais”, precisamos entender q o meio pode ser agente determinante d mudança d carater, basta ñ estarmos c/ os olhos fixos em Jesus. Esta palavra é tremenda, como ñ vamos nos achar inclusos nela? Temos q vigiar muito para ñ deixarmos o meio onde vivemos influênciar nossa visão espiritual. As Betsaidas estão em todo o lugar, são elas: a escola, o trabalho, os amigos, as vezes os próprios parentes,enfim qualquer lugar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.